Se me vier uma ideia maluca à cabeça, pego no rato e começo a brincar com a coisa.
Depois por vezes fico satisfeito com o resultado, outras vezes não.

Quando um arquitecto tem uma ideia maluca, antes de mais nada, tem que procurar quem tenha uns milhões para gastar.
Depois durante uns tempos anda cagadinho de medo, não vá aquilo ser mesmo só uma ideia maluca.