Traduzir-se

Uma parte de mim
é multidão:
outra parte estranheza
e solidão.

Uma parte de mim
pesa, pondera:
outra parte
delira.

Uma parte de mim
almoça e janta:
outra parte
se espanta.

Uma parte de mim
é permanente:
outra parte
se sabe de repente.

Uma parte de mim
é só vertigem:
outra parte,
linguagem.

3 comments on “Traduzir-se

  • Kodak Khrome says:

    dualidade nas suas formas todas as formas imensas as formas
    sendo eu não eu
    ainda assim reconheço o eu que não sou eu sou eu mesmo

    amo esta canção

    • Luis says:

      aceitar a dualidade, a diferença, porque faz parte de nós
      isto faz ainda mais sentido numa altura em que o racismo, ódio e hipocrisia que nos é servida em doses maciças me deixam ao mesmo tempo enraivecido e triste

Leave a Reply to Luis Cancel reply