São Sebastião foi um soldado romano condenado à morte como traidor por ser brando para com os cristãos, executado com flechas e atirado ao rio.

Foi encontrado ainda vivo por Santa Irene que lhe tratou das feridas e o salvou.

 

 

Foi graças a esta recuperação milagrosa que São Sebastião pôde ser espancado até à morte e atirado para o esgoto de Roma.