Out 29

Puntarenazo

Víctor Jara foi professor, diretor de teatro, poeta, cantor, compositor, músico e ativista político. Durante o golpe de estado de Pinochet foi preso e torturado durante dias. Esmagaram-lhe as mãos. Cinco dias depois foi morto e atirado para a rua. Quando o encontraram tinha quarenta e quatro balas no corpo.

[zoomsounds_player source=”/wp-content/plugins/fwduvp/content/music/Víctor Jara – El Derecho De Vivir En Paz.mp3″ config=”tinta” artistname=”Víctor Jara” songname=”El Derecho De Vivir En Paz” play_target=”footer”]

Em 2018 (45 anos depois) os soldados que o mataram foram julgados e condenados. Pinochet, o mandante, nunca foi julgado.
Por razões humanitárias, em 1998 o governo inglês ignorou um mandado de captura espanhol e deixou-o voltar ao Chile.

Comentário (nome, etc, é opcional)