9 thoughts on “Primeira interrogação do ano”

  1. para um roedor como eu, tudo o que seja velocidade de crescimento de unhas das mãos é sempre insuficiente, e dos pés demais. bem gostava de saber como te lembraste de fazer este post 🙂

  2. angela, é pertinente, mas mesmo depois de inquiridas entidades de vasto conhecimento relevante à matéria e completo dominio dos dossiers, continua por responderó *, por favor, atão?!?hà assuntos que são mesmo só entre mim e a minha tesoura

  3. Tinha uma certeza e uma dúvida. Depois passei a ter duas dúvidas. Agora tenho três dúvidas. Cá por mim estão todos combinados :-)Não será que por ser mais dificil cortar as da mão esquerda dê essa sensação? Aiiii mais uma dúvida!!!

Comentário (nome, etc, é opcional)