•  

     

     

     

     

     

  • 27 Mai 2019

    quando

    ainda acreditava que todos os dias amanheciam. e eram meus.

    havia uma espuma e um mar em cada coisa. percorria-nos o sol.

    na erva fazíamos um pequeno mundo imenso. plantávamos flores para oferecer ao escriturário do 4º esquerdo.
    crescíamos e riamos deitados no chão da escada, imundos e nus.

    gostava de pendurar flores nas janelas

    (decrescer)

     

     

     

     

     

     

  • 26 Mai 2019

    A vida é o pânico num teatro sem chamas

    Oh, baby, you’re so vicious

    Lou Reed
    Vicious
    Lou Reed Vicious

    Bom Domingo 🙂

     

     

     

     

     

     

  •  

     

     

     

     

     

  •  

     

     

     

     

     

  • 24 Mai 2019

    O jantar está pronto

    Wandering in the chaos the battle has left
    We climb up the mountain of human flesh
    To a plateau of green grass, and green trees full of life
    A young figure sits still by a pool
    He’s been stamped “Human Bacon” by some butchery tool
    He is you
    Social Security took care of this lad
    We watch in reverence, as Narcissus is turned to a flower

     

    A flower?

    esta flor cresceu à minha porta

     

     

     

     

     

     

  • 24 Mai 2019

    Um grunho que parece um grunho normalmente é um grunho

    Talking Heads
    Seen and not seen
    Talking Heads Seen and not seen

    He would see faces in movies, on T.V., in magazines, and in books…
    He thought that some of these faces might be right for him…

    That he might, by force of will, cause his face to approach those of his ideal…

    Maybe they imagined that their new face would better
    Suit their personality…Or maybe they imagined that their
    Personality would be forced to change to fit the new appearance…
    This is why first impressions are often correct…
    Although some people might have made mistakes…

    He wonders if he too might have made a similar mistake.

     

     

     

     

     

     

  •  

     

     

     

     

     

  • 24 Mai 2019

    É sexta feira vinte e quatro de maio e está calor

    não take much, que sou gajo de gostos simples

    Quando cheguei a casa passava isto na radar. E por associação de ideias pensei naqueles ‘…’ que espetam o microfone na cara de quem está esfuziante de alegria ou tristeza, e perguntam em directo para a tv: o que está a sentir?

    A atitude correcta é dar-lhe um pontapé nos tomates ou um murro nas mamas e responder: não consigo descrever, e tu?

     

     

     

     

     

     

  • 23 Mai 2019

    Riscos da embriaguês

    Leva as pessoas a pensar que estão sussurrar, quando não estão

    É a principal causa de danças extremamente absurdas

    Faz com que se conte a mesma historia chata, vezes sem conta, até ao ponto de te quererem partir a cara

    Resulta em dizer coisas idiotas como porl esempelo ixxtos.

    Acredita-se que aquela moça que não te liga nenhuma está realmente mortinha por um telefonema teu às 4 da manhã

    Ficar intrigado tipo “onde pus as calças?”

    Ter a certeza de certos poderes místicos de Kung Fu

    É a principal causa de inexplicáveis queimaduras em tapetes e sofás

    Gera a falsa crença de que as pessoas se estão a rir das tuas piadas

    Causar um influxo na dimensão espaço-tempo, com pequenos (por vezes largos) espaços de tempo que parecem literalmente desaparecer

    O consumo de álcool pode, eventualmente, causar gravidez