0 thoughts on “Os beijos que me deste e não senti”

  1. > Os beijos que me deste e não senti

    Não sei porquê, fez-me lembrar a Sophia MB (quando morrer voltarei para buscar …)

    Apetece-me misturar, agitar e voltar a a dar outra frase:

    Voltarei para buscar os beijos que não senti

    PS: Gostei muito do teu blog

  2. Quem me dera ser capaz de acordar e não me lembrar mais dos beijos que não senti…morro, sim, mas por não ter coragem de esquecer a minha consciência, por não me conseguir libertar…

  3. Gostava de apagar para sempre os beijos que senti e não me deram.
    Parabéns pelo blog! Não sei de é o melhor como alguém já disse, mas é dos meus preferidos.

  4. Faz algum tempo que escrevi o que aqui te deixo.(como se fossem os beijos da tua Rosa)______________

    ama-me…suave,
    suavemente…finge que me conheces.
    finge que me vês passar e me centras entre
    todas as mulheres que contigo se cruzam e não
    tens escolha…porque sou um lago de vida e dor e
    só sentes a frescura quando me beijas o
    marfim do corpo.bebe devagar…e sem escolha
    escolhe-me…porque ao ver-me voas e num gesto
    dado encontras o caminho.
    digo-te… vem,
    quero encontrar-te.fica…quieto,sossegado.
    deixa-te…e finge que ao ver-me sem véus te vês
    despido pela primeira vez,tão despido que te
    mergulhas…tão nu que te pintas de mim e descobres
    que sou a forma e o porto em que te abrigo…ama-me
    suave…mente…e diz que me sentes o sangue divino
    na boca em que te bebo…beijo-te.
    e neste deleite íntimo que me recria as sensações.
    toco…tocas-me…e tens-me em ti.

    ___________________

    …tens o mundo ao teu lado.
    um abraço Luís.

  5. …Quero antes viver para os beijos que virão…. para todos os beijos prometidos…. para todas as promessas de futuro… onde estaremos juntos…. onde seremos UM… onde de tão próximos e certos não precisaremos sequer de nos beijar….

  6. os beijos não morrem nem apodrecem!
    que desperdicio seria.

    semeiam-se.
    na areia dos segredos.

    cristalizam.
    no frio da memoria.

    renascem.
    na dança das pestanas.

    vivem.
    deslizam. no impulso.

    (de mim-ti pra ti)

    😉

    imensos beijos (vivos) pra ti. pra sempre.

Comentário (nome, etc, é opcional)