Por que raio queremos nós saber o que nos falta, quando nem sabemos o que temos?