nos intervalos do amor não há nada
só o bolor

como pode o bolor queimar tanto como queima?

mas mesmo nas cinzas resta fogo

mesmo no fogo restas tu