Da cena dos criticos enjornalados

De facto o seu rigor formal e intelectual se ancorava numa permanente indagação tensiva sobre o lugar da estética no seu cruzamento com a ética.

Xiça, não sou crítico de arte e muito menos comissário de exposições, mas juro que também fiquei tenso!


Deixar uma resposta