Deito-me com a terra no teu corpo

depois volto a ti como se fosses noite

O campo e o mar, rasto entre seios e ventre

calor nas searas