2 thoughts on “Beirute”

  1. não fosse o rapazinho (dos beirut) ser demasiado novinho para se ir morrendo, e seria uma óptima música para morrer (em beirute)até para o funeral seria, a malta toda aos pulos, a dançar, a comer e a beberisso é que era!

Comentário (nome, etc, é opcional)