web analytics

Amo-te

Amo-te com uma força que não tenho, com passos que não sei.
Amo-te com raiva.

Amo-te com desespero, com uma ternura louca.
Amo-te com imensidão.


18 Comentários

    • Luis

      nestas matérias sou tão azelha como qualquer um

        • alexandra g.

          Alto lá!
          Pertencendo ao género feminino, se há cousa que não desejo é um azelha!!!
          Além disso, abomino generalizações, que há homens formidáveis 😛

          • kodakkhrome

            Alexandra G
            azelha no bom sentido do termo, não aquele que nem sabe onde fica o clitóris, esse o mau azelha.
            os homens são pouco mais ou menos a generalização do grupo homem masculino, basicamente
            homens. nós somos as mulheres, eles os homens.
            além disso gosto muito de ironizar
            Alto lá!
            os homens dão sempre jeito para tratar das canalizações e avarias e tal e tal, coisas desse género,
            portanto, um azelha que não saiba como tratar de avarias também não desejo, não.

            • Luis

              estavas a falar tão bem…
              🙂

            • alexandra g.

              K.K.,
              .
              Os homens são pessoas, como nós, mulheres, portanto, não entendo por que raio terão de tratar das canalizações, etc. Isto soa a qualquer coisa como nós, mulheres, com um emprego, tenhamos que nos levantar cinquenta vezes/noite para mudar fraldas, etc., com os bebés, quando já não os aleitamos, estão a biberom…

              Eu adoro pegar em berbequins, arranjar torneiras, etc., aprender outras cousas (algumas, já as sei fazer).

              Os homens são como nós: para amar, sermos companheiros, assumir um filho, uma casa, de modo igual.

              • kodakkhrome

                Alexandra G
                Não me diga que os homens tb fazem essas coisas de dar o biberon aos bébés e mama tb dão?
                não estou aqui a discutir o sexo dos anjos nem sequer a discutir seja o que for

                Os homens e as mulheres é tudo gente honrada e ajudam-se mutuamente, acredito. Os homens têm por costume deixar o tampo da sanita levantado, uma coisa que eu tb faço. vai daí um amigo meu disse-me um dia: – ouve lá, pareces um homem, eles é que não baixam o tampo da sanita, nem deitam para o caixote do lixo as embalagens dos iogurtes (cousa que eu faço, por vezes).

                eu perguntei: os homens fazem isso porquê?
                resposta dele: – as mãezinhas estão lá sempre para arrumar a porcaria que eles fazem, uma questão de educação
                :)))

          • Luis

            pronto, já fui prá prateleira

            porque sou formidavelmente azelha 🙂

        • Luis

          não faço ideia, e já desisti de tentar fazer ideia,
          às vezes desconfio, mas é quando estou enganado

          e devo dizer que acho que vossemecêsses também só têm uma vaga ideia

          • alexandra g.

            provavelmente, dá-te ‘jeito’ !??!!!

            não acredito que ponhas todallas pessoas no mesmo patamar de ignorância em cousas da vida que são de ambos os géneros, a ambos pertencem!

            • Luis

              sei que foi uma piada velhinha de 30 anos, mas foi o que se arranjou ali na altura 🙂

            • kodakkhrome

              e agora, desculpem, estou a meio de um episódio de #Black Mirror#, já interrompi para responder: nós, lá no Bloco de Esquerda somos todos assim: mulheres para um lado, homens para outro. É um grande defeito da esquerda!!!!
              :))))

      • kodakkhrome

        “Amo-te com uma força que não tenho, com passos que não sei.
        Amo-te com raiva.

        Amo-te com desespero, com uma ternura louca.
        Amo-te com imensidão.”

        Olha Luís, isto que escreves é muito bonito, por isso mesmo deves ser um “azelha”
        Só te fica bem!
        🙂

        • Luis

          tem dias…
          temos todos 🙂

Deixar uma resposta