Web Analytics

Vou mudar para UZO

O gajo do ctt expresso que veio cá entregar a encomenda com o meu cartão uzo, veio enquanto eu almoçava. Voltou já depois de almoço. Atropelou uma velhota mesmo à minha porta. Ia para ver o que se passava, mas faltou-me algo…. ambrósio. Dantes quando não tinha receio das memórias, via tudo. Agora, não.

Entretanto espera-se pela ambulância, e vou observando a cena pela janela. O gajo do ctt expresso é cool, fuma uma cigarrada e o sol bate-lhe nos óculinhos espelhados. A velha tá ali, no chão. Alguém lhe pôs um trapo por baixo da cabeça, encharcada em sangue. Uma mulher abraça-a e vai-lhe falando. Um homem pôs-lhe a mão na mão. O gaijo do ctteexpresso passa a mão no carro para ver o estrago. O ajuntamento vai aumentando… chegou o inem, e o gajo do cttexpresso resolveu pôr o triangulo e vestir o colete.

A ambulância foi-se com a velhota, veio a policia para cumprimentar os óculos espelhados do gaijo do cttexpresso que tem a porra da minha encomenda. Estão a preencher papelada. Impresso 453A/4F (atropelamento de velhinhas). Pode ser que depois me venha entregar o cartão.

Prontos. Já tava mesmo a ver. O gajo foi-se embora, e fico sem cartão!

As minhas desculpas pela enorme falta de sensibilidade. Podem ficar cientes, no entanto, que é totalmente premeditado.

Ao vestir o blusão

encontrei no bolso um recorte de jornal de 16 de Janeiro. Diz que Portugal é o país mais desigual e mais pobre da União Europeia. É mau. Mas pior, diz ainda que a diferença entre os mais ricos e os mais pobres tem aumentado desde 2001. Diz que dois milhões (!!) de pessoas vivem com menos de 350 euros por mês. Nem sei que dizer. Hoje vi nas “gordas” que os 8% de desempregados são na realidade mais de 10%, se contarmos com o sub-emprego e os formandos (que são desempregados encapotados). Li que os bancos não aceitam como cliente desempregados. Vou deixar de ler. Ou então leio só poesia, é menos deprimente….