gostava de saber escrever bem sobre coisa nenhuma

2 comments on “

  • bemsalgado says:

    como escrever sem pensar no que diz?
    e que o leitor percebesse, ou não, que você tudo fala e nada diz?
    Pensando no Nobel ou qual outro?
    Acho difícil… muita competição no gênero
    quase sempre das-me que pensar mais do que posso.

    • Luis says:

      ás vezes penso que o importante são as grandes causas, o que é intemporal, o que muda, sei lá…
      depois vejo escrever sobre um gato passou na rua, mas escrito com uma beleza tal que me deixa também a pensar que não é só um gato que vai ali a passar
      e já dizia o outro ‘Tudo vale a pena quando a alma não é pequena’

      mas é preciso que tenha algo mais do que o nada que se diz
      ou seja não se inclui aqui discursos políticos 🙂 que dizem nada, são nada e aproveita-se nada

      um abraço daqui para as terras da Galiza, é sempre bom ouvir-te

Comentário (nome, etc, é opcional)