Há alturas em que o mundo tem portas.
E espaço entre as portas. E névoa.
E confusão sem fim.

 

 

 


Deixar uma resposta