Desde sempre que publicar um livro era a forma dum escritor se pôr em bicos de pés frente à história. Basta olhar para ver que os livros, os cds, os jornais, tudo isso está a acabar e desaparecer. E agora? Como é que um escritor se torna um escritor? Um escritor é aquele que escreve?

Pagando, conhecendo ou merecendo, havia a chancela do editor. Aquele senhor a quem se reconhecia o discernimento de saber o que a história merece. E agora? Como garantir a chancela do mérito? Como se carimba as obras valerosas que se hão-de libertar da lei da morte?

Padrão

Deixar uma resposta