4 comentários sobre “

  1. Também não sei onde é que a foto não é minha.

    Mas há aqui uma tal serenidade que me encanta. E continuo sem saber se a serenidade conta, versus a falta dela.

Deixar uma resposta