Para ser justo

Os que são apanhados a roubar o estado em milhões de euros por vias fraudalentas, devolvem o que roubaram e vão em paz.

Lembram-se por exemplo do caso das facturas falsas que envolvia grandes empresas? Quando a noticia saiu nos jornais, pagaram os impostos e pronto, nem acusados foram.
Volta e meia ouve-se casos desses, fulano de tal apanhado a fugir ao fisco, paga e fica tudo bem.

Acho que quem fosse apanhado com uma TV roubada às costas, devia poder devolver o televisor e ir em paz.

Padrão

Deixar uma resposta